Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Notícias

/

Camaçari

/

Apenas 19% da população de Camaçari tomou a 4ª dose contra Covid-19, diz Sesau

Camaçari

Apenas 19% da população de Camaçari tomou a 4ª dose contra Covid-19, diz Sesau

A vacina está sendo aplicada em todas as unidades de saúde

Por: Camaçari Notícias

(Foto: Josué Silva)

De acordo com a Secretaria de Saúde de Camaçari (Sesau), mesmo com a vacina disponível em todos os postos de saúde do município, apenas 18,9% da população completou a vacinação com a segunda dose de reforço. O boletim epidemiológico referente a semana de 19 a 26 de novembro, aponta que foram registrados 545 novos casos positivos para Covid-19 no município. Um número duas vezes maior que na semana anterior.

Dados da Vigilância Epidemiológica da Sesau informam que 72% da população tomou a primeira dose, e 84% tomou a segunda dose ou a dose única, que equivale a duas doses. Porém os números ficam preocupantes quando partem para as doses de reforço. Na população a partir de 12 anos, apenas 54% da população tomou a primeira dose de reforço (terceira dose), e apenas 18,9% tomou a segunda dose de reforço (quarta dose), completando o esquema vacinal.

O secretário de Saúde de Camaçari, Elias Natan reafirma a necessidade de ter o esquema vacinal completo. “As pessoas que estão com o esquema vacinal completo têm menor probabilidade de complicações e óbito, quando comparado com pessoas que estão com o esquema vacinal incompleto. Por isso a necessidade de todos se vacinarem com todas as doses disponíveis”.

A Sesau reforça que em Camaçari, a vacinação contra Covid-19 acontece de segunda à sexta-feira em todas as unidades de saúde da Sede e Costa. E aos sábados acontece nas Unidades de Saúde da Família da Gleba B e Nova Aliança.

Importante destacar o novo decreto estadual, que está sendo seguido pelo município, que torna obrigatória a comprovação da atualização do esquema de vacinação contra Covid-19 em eventos que haja controle de acesso e venda de ingressos. A necessidade da demonstração de vacinação será obrigatória também para o acesso a quaisquer prédios públicos, nos quais se situem órgãos, entidades e unidades administrativas.

Siga o CN1 no Google Notícias e tenha acesso aos destaques do dia.

Tópicos relacionados

Relacionados