Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Notícias

/

Camaçari

/

UFBA apresenta bonificação regional na próxima terça-feira (13/12)

Camaçari

UFBA apresenta bonificação regional na próxima terça-feira (13/12)

A apresentação da ação afirmativa será realizada na próxima terça-feira (13).

Por: Agência de Notícias PMC

(Foto: divulgação/ Ascom PMC)

Como forma de estimular o acesso ao Ensino Superior de jovens e adultos dos territórios da Região Metropolitana, a Universidade Federal da Bahia (UFBA) lança o Bônus Regional como novidade a partir do Processo Seletivo via Sistema de Seleção Unificada (SiSU) 2023.1. A apresentação da ação afirmativa será realizada na próxima terça-feira (13/12), às 9h30, na sede de Camaçari, que funciona na Cidade do Saber.

A bonificação regional é válida apenas para os cursos do Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICTI), sediados em Camaçari, que são o de Bacharelado Interdisciplinar de Ciência, Tecnologia e Inovação e de Engenharia de Produção. A ação consiste no estabelecimento do critério de inclusão regional dos estudantes que tenham cursado pelo menos um ano do Ensino Médio em escolas públicas ou privadas localizadas nos municípios que compõem a Região Metropolitana de Salvador, exceto a capital do estado.

O critério de inclusão regional será operacionalizado através de um bônus que corresponde ao acréscimo de 20% na nota final do candidato no processo seletivo via SiSU, em qualquer modalidade de concorrência, que tem período de inscrição entre 28 de fevereiro e 3 de março, com resultado em 7 de março. Terão direito ao acréscimo, apenas os candidatos que atendam aos critérios eliminatórios de notas mínimas definidos pela UFBA.

Segundo a universidade, a bonificação regional reconhece a importância da população das cidades onde o ICTI/UFBA está inserido como seu principal público, e foi aprovada pelo Conselho Acadêmico de Ensino (CAE/UFBA), nos termos da Resolução n.º 09/2022. Atualmente, menos de 50% dos estudantes do instituto são oriundos de Camaçari e de outros municípios da Região Metropolitana de Salvador, excetuando-se a capital.

Siga o CN1 no Google Notícias e tenha acesso aos destaques do dia. 

Relacionados