Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Notícias

/

Dicas da Gisa

/

Em 'Verdades secretas', Alex pede calcinha de Angel durante jantar

Dicas da Gisa

Em 'Verdades secretas', Alex pede calcinha de Angel durante jantar

Por: Pesquisa Web

A paixão entre Alex (Rodrigo Lombardi) e Angel (Camila Queiroz) é tão grande que os dois não vão conseguir se segurar nem quando estiverem em casa com Carolina (Drica Moraes). Nos próximos capítulos de "Verdades secretas", Alex e Angel se tornam amantes e protagonizam uma cena picante. Atrevido, Alex pede à enteada para ela tirar a calcinha à mesa de jantar posta para eles dois e Carolina.

Quando ela está na cozinha terminando de servir o marido e a filha, Alex não se segura e pede: "Me dá tua calcinha". Angel leva um susto: "Para Alex, minha mãe tá na cozinha". O empresário continua no jogo de sedução: "Isso torna tudo ainda mais excitante". Apesar de gostar, a modelo pede para ele parar. Alex ri. "Adoro te ver com essa cara", diz ele, sedutor.

O clima entre os dois é interrompido pela campanhia e por Carolina, que já entra falando que ela abre a porta: é Gui (Gabriel Leone). Alex pergunta como ele subiu e a dona de casa disse que ela autorizou. "O interfone tocou lá dentro.

Eu dei permissão". "Como é que você deu permissão? Eu não quero saber desse moleque aqui em casa". Gui fala que quer falar com Angel e pede que ela desça com ele. "Ela não vai a lugar nenhum. Vocês não tem mais nada pra conversar", fala ele. Carolina tenta se intrometer e ele é grosseiro com a mulher: "Cala a boca, Carolina". "Não briga com a minha mãe. Eu desço, vou conversar com o Gui lá embaixo. É melhor", fala Angel.

Ela sai com Gui e Carolina se desculpa: "Eu não fiz por mal". Frustrado, Alex não perdoa a mulher: "Quantas vezes tenho que dizer pra parar de ser burra?". Carolina, então, se revolta: "Para de me chamar de burra. Eu odeio ser chamada de burra! Odeio!". A dona de casa se acalma e retoma a dignidade: "O jantar tá na cozinha, é só se servir. Eu tô estourando de dor de cabeça, vou deitar", fala ela, que sai, deixando Alex ali revoltado.

 

Relacionados